Acusado de assassinar idosa morre em confronto com policiais civis

Acusado de assassinar idosa morre em confronto com policiais civis
julho 09 06:35 2020 Imprimir Conteúdo

 

Policiais civis da Divisão de Roubos da Delegacia Regional de Itabaiana com apoio Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE) da Polícia Civil deflagraram na manhã desta quarta-feira, 8, a Operação Senes, para dar cumprimento à mandados de prisão em desfavor de João Paulo Alves de Oliveira e um segundo suspeito de nome Welinton de Jesus da Conceição.

Eles são suspeitos de terem participado do latrocínio da idosa Maria de Lourdes, ocorrido no dia 04 de março de 2020, no povoado Caraíbas, zona rural de Itabaiana.

Dois outros integrantes da associação criminosa identificados como João Victor Santos Oliveira e Paulo Ramos já se encontram presos. De acordo com o delegado Elder Sanches, após a família ser brutalmente torturada, a idosa sem oferecer risco a nenhum aos suspeitos, foi atingida por disparos de arma de fogo e morreu.

Após os dois primeiros comparsas serem presos, João Paulo foi se esconder na zona rural do município de Malhador. “Quando os agentes chegaram, ele atirou em direção aos policiais que imediatamente revidaram. Ele foi alvejado e veio a óbito. Já Welinton não ofereceu resistência e foi preso”, destacou o delegado,

“O latrocínio chocou a comunidade local e exigiu uma resposta rápida e efetiva da polícia. Com essas prisões, o caso foi totalmente solucionado e os envolvidos identificados”, destacou o delegado.

Operação Senes

A operação foi batizada com o nome latino senes cujo significado é idoso. A Polícia Civil enfatiza a contribuição da população através do Disque Denúncia 181 na elucidação de todos os tipos de crimes. O sigilo é garantido.

Fonte: Polícia Civil

  Editoria: