“A junta médica da policia militar é o único setor que não retornou da pandemia”, diz policial

“A junta médica da policia militar é o único setor que não retornou da pandemia”, diz policial
abril 13 10:46 2022

Um policial militar que pediu para não ser identificado, cobra o retorno do atendimento presencial no HPM, informando que “não querem atender os pacientes que precisam homologar atestados” e que “continua valendo as determinações de envio por e-mail de atestados e tudo mais conforme orientação do BGO nº 050 do ano de 2020”.

Veja o que o militar está reivindicando

Sou policial militar e usuário do serviço da junta médica da polícia militar que localiza-se no HPM e que ainda não retornou os atendimentos presenciais por completo, desde o início da pandemia.

O presidente é o major que tem mais seis médicos que trabalham normalmente nas suas folgas, atendendo em serviços ambulatoriais e fazendo cirurgias, inclusive atendendo pacientes particulares nos horários de serviços da junta médica da polícia militar, mas não querem atender os pacientes que precisam homologar atestados, afastamentos ou colocar restrições para os serviços dos policiais e bombeiros militares.

A junta médica da policia militar do estado de Sergipe é o único setor que não retornou da pandemia. Continua valendo as determinações de envio por e-mail de atestados e tudo mais conforme orientação do BGO nº 050 do ano de 2020. No entanto, continuam trabalhando normalmente nos horários de folga deles.

Alguns militares são convocados esporadicamente para comparecer presencialmente para comprovar alguma coisa que eles achem que estejam com alguma suspeita de irregularidade. Mas a sua maioria continua por e-mail, atrasando o processo de afastamento, porque quando se tem retorno e publicação no BGO que é o boletim interno de informação, o militar já gozou do período de afastamento e já retornou ao serviço, pois algumas vezes não é homologado ou é com menos dias, prejudicando todos aqueles que buscam esse setor.

A solução seria este setor voltar a normalidade e atender a todos de forma presencialmente, buscando outros protocolos que não sejam por e-mail. Caso queiram, verifique toda essa veracidade, buscando o setor, militares que precisam deste atendimento ou ligando e se passando por militar para que eles informem os procedimentos de homologação de um simples atestados de 1 a 5 dias, ou a quantidade for, è só um exemplo. O telefone de lá é 98877-7052.

Preciso desta ajuda para que o setor volte a sua normailidade de atendimento.

  Editoria: